Centro Ciência Viva de Vila do Conde   Mapa do Site   English Version
Pesquisa 
ESTAÇÃO METEOROLÓGICA

A estação meteorológica automática mede e regista automaticamente um conjunto de parâmetros que permitem avaliar e prever o estado do tempo local: temperatura, humidade relativa, pressão atmosférica, precipitação, direcção e velocidade do vento, radiação solar e ponto de orvalho.

Temperatura

Grandeza que traduz o estado de agitação média das partículas do ar. Há três escalas de temperatura (escala de Celsius, de Fahrenheit e de Kelvin), sendo, no nosso país a nível da meteorologia e climatologia, utilizada a escala de Celsius (ºC).

Humidade Relativa

O termo humidade é utilizado para referenciar o vapor de água presente no ar (água no estado gasoso). Note-se que o vapor de água é invisível; normalmente o que se observa é a sua condensação em pequenas gotas de água ao encontrar uma superfície mais fria (o vidro de uma janela ou a tampa da panela, por exemplo).
A massa de vapor de água que existe por unidade de volume de ar define a humidade absoluta, que se pode exprimir, por exemplo, em quilograma por metro cúbico (kg/m3). Um certa quantidade de ar não pode conter mais do que uma certa quantidade de água: a partir desse valor máximo de humidade, o vapor condensa e diz-se que o ar se encontra saturado.
A humidade relativa relaciona a quantidade de vapor de água que existe num determinado volume de ar e a quantidade máxima de vapor de água possível, para a temperatura a que se encontra.

Pressão atmosférica

Medida da pressão (força exercida por unidade de área) exercida, em todas as direcções, pelo ar da atmosfera.
A unidade de pressão do Sistema Internacional de Unidades é o pascal, Pa, que corresponde a uma força de 1 newton actuando perpendicularmente a uma superfície plana de 1 m2.
A pressão de 1 Pa é relativamente pequena, uma vez que a pressão atmosférica normal é cerca de 101 290 Pa.
Por isso, costumam-se utilizar outras unidades: a atmosfera, atm (1 atm = 1.013 x 105 Pa), o bar (1 bar = 105 Pa) e o milímetro de mercúrio, mmHg (1 atm = 1.013 x 105 Pa = 760 mmHg). A estação meteorológica apresenta a pressão atmosférica em milibar (ou hectopascal).
O valor de 1013 mbar é o da pressão atmosférica normal, sendo valores inferior considerados baixas pressões, e valores mais elevados, de altas pressões. Normalmente, o mau tempo encontra-se associado às baixas pressões (e quanto mais baixas, pior o tempo) e o bom tempo associado Às altas pressões (quanto mais altas pressões, melhores são as condições atmosféricas).

Precipitação

Diz-se que há precipitação quando o vapor de água passa da fase gasosa à fase líquida (chuva) ou sólida (neve). Caso se esteja unicamente a referir à chuva, utiliza-se o termo pluviosidade.
A precipitação pode medir-se em milímetros por metro quadrado. Uma precipitação de 10 mm, por exemplo, significa que a água da chuva que caiu num certo local foi suficiente para encher um quadrado com 1 m2 de área até à altura de 10 mm (o que corresponde a 10 litros por metro quadrado).
O valor da precipitação é dada por acumulação de valores, das 0 às 24 horas, não sendo apresentados os valores instantâneos.

Direcção do Vento

Corresponde à direcção da rosa-dos-ventos de onde sopra o vento. O valor é apresentado por um ângulo, em que se considera zero o ponto cardeal Norte e a contagem é feita no sentido directo (no sentido dos ponteiros do relógio). Por exemplo, o ponto cardeal Este corresponde a 90º.
Velocidade do Vento

Corresponde à velocidade do vento, expressa normalmente em metro por segundo (m/s) ou kilómetro por hora (km/h).